Vitória aplica goleada no Barradão e respira na luta contra o Z-4

Vitória aplica goleada no Barradão e respira na luta contra o Z-4

, às 17h50 (atualizado em 20/11/16, às 18:08)
367
0
Comunicar erro
COMPARTILHE
Foto: Divulgação/ECVitória

Na tarde deste domingo, o Vitória encarou seu antepenúltimo desafio nesta Série A, encarando o Figueirense, no Barradão. E o placar foi de goleada por 4×0 para ao Leão.

Com o placar conquistado no Barradão, o Vitória agora soma 42 pontos e abre três de vantagem para o Internacional, que enfrentará o Corinthians, fora de casa, no fechamento da rodada.

O JOGO

O primeiro tempo foi marcado por alta movimentação ofensiva por parte de ambos os lados, que criaram oportunidades durante a maior parte dos 45 minutos iniciais. E foi o Vitória quem levou a melhor na etapa inicial.

A primeira oportunidade aconteceu com Kieza, que finalizou desequilibrado aos sete minutos, e viu a bola bater na trave. Em resposta, o Figueirense chegou com perigo no minuto seguinte, em lance criado por Lins.

Superior nos primeiros minutos, o Vitória chegou ao gol aos 23 minutos, em um golaço marcado pelo capitão Williams Farias. Após bola que sobrou na meia-lua, o camisa 5 acertou um forte chute, abrindo o placar.

Após abrir o placar, o Leão correu perigo em lances de ataques seguidos do Figueirense. O mais perigoso aconteceu aos 27 minutos, quando Rafael Moura perdeu na pequena área, salvando a defesa rubro-negra. No final da primeira etapa, Marinho ainda perdeu uma grande chance de ampliar o placar.

Já no segundo tempo, o Rubro-negro voltou a campo de maneira ofensiva e conseguiu ampliar o placar para uma goleada.

Logo aos 30 segundos, Zé Love aproveitou bola que sobrou na área e acertou um forte chute, sem deixar a bola cair, ampliando para 2×0.

Aos 11 minutos, foi a vez de Kieza voltar a marcar gols, o que não acontecia há várias rodadas. O K9 aproveitou passe açucarado de Marinho e chutou na saída do goleiro.

E não poderia faltar o dele, do incrível Marinho. Aos 15 minutos, o destaque rubro-negro da temporada recebeu passe de Zé Love e chutou colocado, no ângulo do goleiro Gatito, definindo a goleada de 4×0.